Uma curva no tempo, Dani Atkins


16/12/2016
Aline Nascimento

A noite do acidente mudou tudo... Agora, cinco anos depois, a vida de Rachel está desmoronando. Ela mora sozinha em Londres, num apartamento minúsculo, tem um emprego sem nenhuma perspectiva e vive culpada pela morte de seu melhor amigo. Ela daria tudo para voltar no tempo. Mas a vida não funciona assim... Ou funciona?

A noite do acidente foi uma grande sorte... Agora, cinco anos depois, a vida de Rachel é perfeita. Ela tem um noivo maravilhoso, pai e amigos adoráveis e a carreira com que sempre sonhou. Mas por que será que ela não consegue afastar as lembranças de uma vida muito diferente?

- Não. Isso nunca vai acontecer. Pode esquecer qualquer coisa, menos isso. Algumas coisas são profundas demais.
- E é isso o que acontece quando alguém passa a juventude lendo todos os livros de Stephen King!
Um grupo de amigos estão curtindo em um bar seus últimos dias de férias, eles estão formados e vão para faculdade, cada um irá seguir seu caminho, eles não poderia estar mais feliz, porém durante a comemoração um carro desgovernado invade o estabelecimento que eles estão, Jimmy que está no grupo salva sua melhor amiga Rachel, ao realizar esse ato heroico Jimmy não resistiu e acabou falecendo.

Cinco anos depois Rachel tem um vida deprimente, uma cicatriz no rosto, e lembranças que atormenta dia e noite, todos seus planos para o futuro foram interrompidos, ela deixou para traz sua cidade, seus amigos e seu namorado, seu trabalho não tem perspectiva nenhuma, seu pai não anda nada bem de saúde, e para piorar ela sente dores de cabeças que atormentam desde o dia do acidente.


Essa é a realidade, essa é a história da vida de Rachel ou não?

Após um incidente Rachel se encontra em uma vida totalmente diferente, cinco anos se passaram após o acidente, mas por sorte os acontecimentos foram totalmente diferentes do que Rachel se lembra. Ela tem tudo que sempre sonhou, um noivo, uma carreira brilhante e amigos. Porém Rachel acredita que essa não é a vida dela, não é a realidade, afinal ela se lembra muito bem do dia do acidente, e dos cinco anos de tanto sofrimento que percorreu até ali, mas para seus familiares e amigos Rachel está com amnésia afinal esses terríveis anos que ela se lembra e insiste em confirmar para todos nunca existiu.

Uma curva no tempo foi um dos livros mais difícil de resenhar aqui no blog, afinal é muito complicado falar de um livro que mexeu tanto com meus sentimentos, li em apenas um dia, entrei na vida de todos os personagens, me peguei torcendo pela felicidade de Rachel como se ela fosse alguém tangível, e foi impossível segurar as lágrimas, a autora seguiu um caminho que eu não esperava me pegou desprevenida mas que fez todo o sentido. É um livro lindo, reflexivo e tocante, poucas leituras conseguem fazer o que Dani Atkins fez comigo, se você não leu ainda leia, um dos melhores livros de 2016 que eu tive o prazer de ler. 

Observações sobre o autor/livro:

Dani Atkins nasceu e foi criada em Cockfosters, Londres. Somente quando seus filhos estavam crescidos e saíram de casa, ela decidiu se dedicar ao sonho de ser escritora. Uma curva no tempo é seu primeiro romance e foi publicado no Brasil em 2015 pela editora Arqueiro, com 235 páginas. Classificação 5/5

Comentários via Facebook

8 comentários:

  1. Oi, Aline! Tudo bem?
    Eu ainda não li esse livro, mas acabei lendo "A história de nós dois", segundo livro da autora. Pelo que vc comentou p livro é muito parecido: há acidentes de carro, há pessoas machucadas em todos os sentidos, assim como cicatrizes que vão além das marcas físicas. E o que posso dizer é que esse segundo livro me decepcionou, então morro de medo de pegar esse pra ler e me decepcionar, apesar de só ler coisas boas sobre ele.

    Bjão.
    Diego, Blog Vida & Letras
    www.blogvidaeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Dii
      Preciso pesquisar mais sobre outros livros da autora, que pena que não funcionou pra você. Mas de uma chance para esse e depois me conta o que vocÊs achou...
      Beijos

      Excluir
  2. Olá, Aline.
    Eu li muitas resenhas negativas desse livro, mas resolvi ler ele mesmo assim e acabei gostando bastante. Claro que o final não é o que eu queria, mas gostei bastante do conjunto da obra.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Sil...
      É verdade é de cortar o coração :(
      Beijos

      Excluir
  3. Oi Aline,
    Eu não li esse livro, mas li outro da autora que me fez querer ler esse também, rs. Agora, com sua resenha acho que preciso adiantar ele logo na lista de desejados.
    E olha que já vi várias críticas, saber que vale a pena me empolga.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ale....
      Leia sim...espero que você goste assim como eu!
      Beijos

      Excluir
  4. Oi Line, esse livro destruiu meu coração, nunca chorei tanto com uma leitura.

    Blog Relíquias

    ResponderExcluir